FEDERAÇÃO DOS TRABALHADORES RURAIS NA AGRICULTURA FAMILIAR DO ESTADO DE GOIÁS
"Na luta pela dignidade do homem e da mulher do campo!"
fone: (62) 3225-1466 - (62) 3212-7690
e-mail:

SECRETARIAS


PRESIDÊNCIA


PRESIDENTE:
ALAIR LUIZ DOS SANTOS
email: presidencia@fetaeg.org.br
telefone: 62 - 981183925


SEC. DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS

A Secretaria de Administração tem por atribuições, dentre outras:
- Discutir uma política de finanças que atenda às demandas das atividades da FETAEG, visando dar viabilidade econômica para o conjunto das ações do Movimento Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais;

- Zelar pelas finanças da Federação e supervisionar a execução dos serviços de contabilidade bem como pela guarda dos bens móveis e imóveis da Federação;

- Acompanhar a execução orçamentária, levando à Diretoria os esclarecimentos necessários;
- Assumir as tarefas de administração interna da Federação e zelar pela manutenção e eventual reestruturação da sua estrutura física.

No sistema de arrecadação do Movimento Sindical de Trabalhadores Rurais, coordenado pela Secretaria de Finanças, estão previstas as seguintes contribuições:
a) contribuição social (ou mensalidade sindical) , conforme previsto nos estatutos das entidades sindicais;
b) contribuição assistencial, ajustada em convenções e acordos coletivos de trabalho;
c) contribuição confederativa, prevista no art. 8º, inciso IV da Constituição Federal, cujo valor é aprovado pela assembléia geral da categoria, nos sindicatos que fazem a referida cobrança e exigível dos associados dos sindicatos;
d) contribuição sindical, com respaldo constitucional e regulada pela CLT – Consolidação das Leis do Trabalho, em seus artigos 578 a 610 .

VICE PRESIDENTE, TESOUREIRO e SEC. GERAL de ADMINISTRAÇÃO:
ELEANDRO BORGES DA SILVA
email: financas@fetaeg.org.br
telefone: (62) 98118-3926


SEC. DA JUVENTUDE

A Secretaria da Juventude Trabalhadora Rural, de criação recente, visa, a partir do diagnóstico e conhecimento da realidade específica deste segmento de trabalhadores e trabalhadoras rurais, estimulá-los a participar das atividades sindicais e de todas as instâncias de organização do Movimento Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais.

A secretaria tem, ainda, por finalidade mobilizar e organizar a juventude trabalhadora rural, levando em conta sua realidade e seus problemas específicos, discutindo políticas públicas capazes de gerar alternativas de trabalho e renda no campo e, desta forma, garantir a permanência dos jovens no campo.

A organização da juventude trabalhadora rural exige a realização de campanhas de filiação e participação sindical, o estímulo à organização e participação em associações e cooperativas, além de discutir necessidades específicas dos jovens rurais relacionadas à saúde, educação, laser, esporte e cultura e, para tanto, é necessário atuar de forma integrada com as demais secretarias envolvendo os jovens nas ações gerais do Movimento sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais.

SEC. de JUVENTUDE:
DALILLA DOS SANTOS GONÇALVES
email: juventude@fetaeg.org.br
telefone: (62) 9 8145-9091


SEC. DE POLITICA AGRICOLA


SEC. de POLITICA AGRICOLA:
SUELI PEREIRA E SILVA
email: politicaagricola@fetaeg.org.br
telefone: (62) 3225-1466


SEC. DE POLÍTICA AGRÁRIA

Para dar efetividade aos princípios do Movimento Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais e concretizar os seus objetivos, a FETAEG tem sua estrutura administrativa formada por Secretarias e, entre estas, a Secretaria de Política Agrária é de especial importância. Suas ações extrapolam os limites da secretaria específica e envolvem o conjunto de ações da Federação, uma vez que a luta pela democratização da terra é elemento central do projeto de construção de um modelo alternativo de desenvolvimento rural sustentável.

O alto grau de concentração de terras, no Estado de Goiás e na maioria das regiões brasileiras, garante a uma parcela mínima de proprietários o domínio sobre a maioria absoluta das terras e, por outro lado, exclui milhares de famílias de trabalhadores rurais do acesso à terra, proporcionando a crescente exclusão e desigualdade na distribuição de renda. Além disso, este modelo excludente impede a geração de empregos e a melhor distribuição de renda no campo, razão porque a reforma agrária é elemento central na política de atuação da FETAEG.

É evidente que a reforma agrária não se restringe à distribuição de terras, sendo necessário que esta venha acompanhada de um conjunto de elementos de política agrícola que viabilize o setor e garanta qualidade e quantidade na produção agropecuária voltada prioritariamente para o mercado local e regional.

Neste sentido, a FETAEG e o Movimento Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, como um todo, têm claro que a efetiva realização da reforma agrária é programa de governo verdadeiramente comprometido com o desenvolvimento sócio-econômico do país e com a distribuição de renda.

Além disso, a reforma agrária, para viabilizar a democratização da atual estrutura fundiária brasileira, deve estar centrada na desapropriação de imóveis rurais, prioritariamente grandes, que não cumprem com todos os requisitos da função social, definidos na Constituição Federal e nas leis regulamentares. Outros programas, como o Crédito Fundiário, devem ter caráter complementar, com grande importância em regiões onde o estoque de terras passíveis de desapropriação é reduzido ou inexistente, para evitar a reconcentração da terra.

A efetivação da reforma agrária nas condições defendidas pelo Movimento Sindical, grande esperança de milhões de trabalhadores e trabalhadoras rurais, se constitui num grande desafio, tendo em vista as restrições legais, inclusive impostas por medidas provisórias, e em função da posição conservadora e anti-reforma agrária de grande parte do judiciário.

Diante deste quadro, a Secretaria de Política Agrária tem como tarefa o planejamento e a execução de ações que possibilitem avançar na conquista da verdadeira reforma agrária. As atividades implementadas envolvem os sindicatos, cabendo à Federação orientá-los e assessorá-los na luta pela terra e no encaminhamento de reivindicações junto aos órgãos públicos. Além disso, a Secretaria de Política Agrária faz um trabalho de acompanhamento dos sindicatos e representantes de associações ou de grupos de trabalhadores que reivindicam a desapropriação de terras, dando encaminhamento a pedidos de vistoria técnica de imóveis rurais para verificar o cumprimento da função social dos mesmos , além do acompanhamento de processos administrativos e judiciais, com vistas à desapropriação e realização de assentamentos.

A Secretaria de Política Agrária, por meio de sua assessoria, promove a defesa de trabalhadores e trabalhadoras rurais envolvidos em processos judiciais, especialmente ações possessórias resultantes das iniciativas concretas de luta pela conquista da reforma agrária, além de orientar os trabalhadores sobre as legítimas formas de pressão que podem ser utilizadas para garantir o avanço do processo de democratização da terra.

Desta forma, o Movimento Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais mantém viva a esperança na realização de uma verdadeira reforma agrária e na construção de um projeto que prioriza a agricultura familiar como modelo alternativo de desenvolvimento rural sustentável e que garanta mais distribuição de renda e justiça social no campo.

Secretário de Política Agrária e Meio Ambiente:
LUIZ PEREIRA NETO
email: agraria@fetaeg.org.br
telefone: 62 - 98171-9614


SEC. DE MULHERES

A Organização das Mulheres Trabalhadoras Rurais é um fato, os resultados desta realidade são significativos. No Movimento Sindical a participação feminina tem sido decisiva para muitas conquistas que beneficiaram de forma geral os trabalhadores rurais. A ação das Mulheres nos três últimos Congressos Nacionais de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais tem alargado os espaços de participação nas instâncias diretivas e decisórias a nível nacional.


A direção Executiva da CONTAG conta com quatro mulheres de um total de onze diretores. Hoje, em todas as FEDERAÇÕES ESTADUAIS é garantida uma secretaria ou uma coordenação estadual de mulheres e nos eventos e processos eleitorais para escolha de direção, das Federações e STR’s, a cota de 30% de participação feminina deve ser observada.


No Estado de Goiás, o 5º Congresso Estadual decidiu por criar uma Secretaria Estadual da Mulher Trabalhadora Rural, que tem por objetivo organizar a participação das Mulheres Trabalhadoras Rurais dentro do Movimento Sindical.


As ações cotidianas da Secretaria Estadual da Mulher trabalhadora rural são:


- Organizar a nível de município a participação das mulheres no Sindicato de Trabalhadores Rurais.


- Garantir a cota de 30% nos processos eleitorais e nos eventos dos STR’s.


- Garantir a transversalidade de gênero em todos os conteúdos e elaborações do Movimento Sindical e nas conquistas de direitos.


- Organizar o Coletivo Estadual das Mulheres para garantir um processo continuo de formação, atualização e intervenção com qualidade da mulheres nos espaços.


Secretária da Mulher:
TâNIA FERNANDES DE PINA ALCâNTARA
email: mulheres@fetaeg.org.br
telefone: 62. 98118-3935


SEC. DE POLÍTICAS SOCIAIS


Secretário de Políticas Sociais e Terceira Idade:
ORLANDO LUIZ DA SILVA
email: politicasocial@fetaeg.org.br
telefone: 62 3225.1466


SEC. DE FORMAÇÃO E ORGANIZAÇÃO SINDICAL


Secretária Geral e de Política Sindical e Formação:
SANDRA PEREIRA DE FARIA
email: sindicaleformacao@fetaeg.org.br
telefone: 62 - 98118-3932



Fale com a FETAEG

Telefones: (62) 3225-1466

E-mail: fetaeg@fetaeg.org.br

Endereço: RUA 16A QD 16A LT 2E - 409 - SETOR AEROPORTO
Cep 74075150 - GOIANIA - GO

Onde Estamos:

Webmail

Redes Sociais
Copyright(c) 2016 | FETAEG - Todos os Direitos Reservados